Sai edital com 180 vagas de nível superior para Concurso Funpresp-Jud

Sai edital com 180 vagas de nível superior para Concurso Funpresp-Jud

Saiu o edital do concurso Funpresp Jud 2021, com 170 vagas em cadastro e dez para provimento imediato em cargos de nível superior.

Foi publicado o edital do concurso Funpresp-Jud. A Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Judiciário oferece 180 vagas para candidatos com nível superior. Todos serão lotados em Brasília, e os ganhos iniciais são de até R$8,2 mil.

Do total das vagas, 170 são para formar cadastro de reserva e dez para provimento imediato. Além disso, haverá uma reserva de vagas para negros. As oportunidades são divididas entre as carreiras de analista, advogado e atuário.

Confira a seguir a tabela completa com todas as oportunidades:

Cargo

Vagas Ampla Concorrência

Cadastro de Reserva

Negros

Salário

Analista de Investimentos

2

20

1

R$8.204,82

Analista de Conformidade

1

10

0

R$8.204,82

Analista de Tecnologia e Informação – Infraestrutura e Tecnologia

1

10

0

R$8.204,82

Analista de Tecnologia e Informação – Desenvolvimento de Sistemas

1

10

0

R$8.204,82

Atuário

CR

10

0

R$8.204,82

Advogado

CR

10

0

R$8.204,82

Analista – Seguridade

2

20

0

R$6.558,63

Analista – Gestão de Pessoas

1

10

0

R$6.558,63

Analista – Administração e Finanças

1

10

0

R$6.558,63

Analista – Secretariado Executivo

CR

10

0

R$6.558,63

Analista – Contabilidade

CR

20

0

R$6.558,63

Analista – Comunicação e Marketing – Comunicação

CR

10

0

R$6.558,63

Analista – Comunicação e Marketing – Publicidade e Propaganda

CR

10

0

R$6.558,63


Todas as carreiras terão carga de trabalho de 40 horas semanais. Os empregados serão contratados pelo regime celetista, que assegura FGTS e auxílio desemprego.


Inscrições do concurso Funpresp-Jud vão até outubro

O concurso Funpresp-Jud para graduados já está com inscrições abertas. O prazo começou às 8 h desta segunda-feira, 13. Os cadastros serão aceitos até as 23h59 do dia 21 de outubro.

Para se candidatar, o candidato deve acessar o site do Instituto AOCP, o organizador da seleção. O primeiro passo é pesquisar a área destinada ao edital da Funpresp-Jud.

Em seguida, o concorrente terá que preencher o formulário com todos os dados cadastrais. As informações deverão estar corretas e atualizadas, pois será preciso comprová-las no ato da posse.

Por último, será preciso imprimir o boleto bancário e quitar a taxa de inscrição. Os valores são de R$55 e R$69, de acordo com o cargo de interesse.


Provas da Funpresp-Jus serão realizadas em dezembro

Todos os candidatos ao concurso da Funpresp-Jud serão avaliados por meio de provas objetiva e de títulos. As etapas podem ter caráter eliminatório e/ou classificatório, de acordo com o rendimento do participante.

As provas escritas estão marcadas para acontecer no dia 5 de dezembro, em dois turnos. Serão 120 questões versando pelas seguintes disciplinas:

Língua Portuguesa;

Estrutura e Funcionamento da Funpresp-Jud;

Raciocínio Lógico e Analítico;

Noções da Previdência Complementar;

Conhecimentos Específicos.

As provas ocorrerão pelo estilo Certo ou Errado, com cada item valendo até 1.0 ponto. As avaliações serão realizadas em Brasília, a capital federal.

Já as provas de títulos, será obrigatório e valerá de 18 e 30 pontos, no máximo, de acordo com o cargo. O caráter é apenas classificatório.

O prazo de validade do concurso da Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Judiciário será de dois anos. No entanto, o período ainda pode ser prorrogado uma vez e pelo mesmo período.


O que é a Funpresp Jud?

De acordo com informações oficiais do próprio órgão, a Funpresp:

"Foi criada pela Resolução STF nº 496, de 25/10/2012, com a finalidade de administrar e executar planos de benefícios de caráter previdenciário para os membros e os servidores públicos titulares de cargo efetivo do Poder Judiciário da União, do Ministério Público da União e do Conselho Nacional do Ministério Público.

A Funpresp-Jud é uma entidade fechada, sem fins lucrativos e com autonomia administrativa, financeira e gerencial, nos termos da Lei nº 12.618, de 30/4/2012, e possui uma estrutura organizacional composta pelo Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal e Diretoria Executiva."